Escolas de samba: o show não pode parar

Publicado em 12 fevereiro de 2018
 
(http://twitter NULL.com/share)
Imperatriz de Olaria

Imperatriz de Olaria

Depois da bela apresentação dos blocos de enredo no sábado, o show de domingo ficou por conta das escolas de samba, que encheram a Avenida Alberto Braune de luxo, beleza e muita animação. Uma representação da Guarda Municipal passou com a faixa chamando a atenção para um carnaval sem drogas. Com muito charme, antecederam as escolas o Rei Momo, Felipe Sabrine, a Rainha do Carnaval, Juliana Queiroz, e o Cidadão do Samba, Júlio Santos. O secretário de Turismo, Wilton Neves, e o prefeito Renato Bravo já manifestavam a sua expectativa de um desfile maravilhoso. Wiltinho, como é conhecido, já ficou encantado logo na concentração com a beleza dos carros alegóricos. Já Renato parabenizou todos os integrantes das escolas pelo trabalho e garantiu: “Eu tenho certeza que será um belíssimo espetáculo nesse carnaval da família, o melhor carnaval do interior do Estado do Rio de Janeiro”. Destaque para o chamado bloco da limpeza, com garis da Secretaria de Serviços Públicos, que ao final de cada agremiação deixavam a pista limpa. E ainda tiraram fotos com o prefeito Renato e a primeira-dama Cristina. As torcidas compareceram em massa, com as arquibancadas lotadas. 

LINDA COMO UMA FLOR / A MUSA DO TROVADOR / NOVA FRIBURGO 200 ANOS TÃO BELA / A TERREMOTO DÁ SHOW / DE AZUL E BRANCO EU VOU / DESFILAR NA PASSARELA

A escola Alunos do Samba, das cores azul e branco, de Conselheiro Paulino, levou à avenida 19 alas e 980 componentes, e o enredo “Raízes – A celebração das nossas origens”, com muito brilho, animação, luxo e colorido nas fantasias. Foi um desfile surpreendente e empolgante.

A VILA VEM CANTAR / A FÉ EM DEVOÇÃO / PRA EXALTAR MEU PADROEIRO / SALVE SÃO JOÃO

A escola Vilage no Samba, das cores verde e branco, das comunidades da Vilage e Duas Pedras, desfilou com 22 alas, 1.200 componentes, e trouxe a festa junina para a avenida, com o enredo “São João acende a fogueira no meu coração”, soltando balões de gás coloridos. Grande e compacta, com belos carros alegóricos, os passistas demonstraram muita animação, com o samba-enredo na ponta da língua.

QUEM FAZ O MEU PEITO VIBRAR DE EMOÇÃO / TEM HISTÓRIA BORDADA DE AMOR E PAIXÃO / É A ESCOLA DO POVO A TE ENCANTAR / SÓ SENTE SAUDADE QUE SABE AMAR

A roxo e branco do Bairro Ypu falou de si própria, com o enredo “70 anos – Uma história bordada de amor e paixão”. A Unidos da Saudade passou com mil componentes e muitas evoluções, a começar pela comissão de frente, que trouxe um grande baú, de onde os integrantes tiravam um banner enorme com a inscrição “Saudade, pra sempre vou te amar”. Os carros alegóricos deram um show, como um deles com um chafariz de verdade. 

UMA SÓ ORAÇÃO, PRA REZAR / O MEU CANTO É DE FÉ EM LOUVAÇÃO / DIVINA FORÇA ENSINA / TEM CURA NA IMPERATRIZ / ELEVA A ALMA, ME FAZ FELIZ

A escola vermelho e branco de Olaria desfilou com o enredo “O poder da cura, na ciência da vida – O clamor de um povo pela proteção divina”, com 800 componentes, em 20 alas. Chamaram a atenção os casais de mestre-sala e porta-bandeira, com muito glamour. A Imperatriz de Olaria inovou com uma passista em cadeira de rodas e fechou com chave de ouro o desfile já na madrugada de segunda-feira. 

Boa parte do público presente na Avenida Alberto Braune não resistiu e foi atrás da Imperatriz, provando a beleza e animação do desfile das escolas de samba. O prefeito Renato Bravo gostou. “Todas as escolas se desenvolveram muito bem e fizeram um desfile lindo, que foi fechado agora com o bloco do povão”.

Para visualizar mais fotos clique aqui. (https://goo NULL.gl/vXxsxy)