Colorindo o teleférico: bombas de semente de flores são preparadas e lançadas no entorno da Praça do Suspiro

Publicado em 11 Janeiro de 2018
 
(http://twitter NULL.com/share)

Ação homenageia vítimas da tragédia ocorrida no município em 2011

Como forma de prestar uma homenagem aos mortos na tragédia climática de 2011 em Nova Friburgo, que hoje completa 7 anos, um evento foi realizado na manhã desta quinta-feira, dia 11, na Praça do Suspiro, com o lançamento de bombas de sementes de flores das cadeirinhas do teleférico. Fruto de uma parceria público-privada, participaram da ação  o secretário de Defesa Civil, João Paulo Mori; entre outros representantes do Executivo; autoridades civis e militares; adultos e crianças. Todos literalmente colocaram a mão na massa para preparar as bombas e jogá-las na natureza, que se incumbirá de fazer as sementes germinarem e florirem, colorindo uma das áreas mais afetadas naquela ocasião.

 

Crianças também participaram da produção das bombas

Crianças também participaram da produção das bombas

As bombas, como são chamadas, são pequenas bolas de barro e composto orgânico com sementes das espécies Centáurea Cyanus, Cosmea Sensação e Ervilha de Cheiro. De acordo com o empresário Alex Santos, a ideia é prestar homenagem às 428 vítimas fatais da tragédia de 2011 e fazer com que as pessoas façam uma reflexão sobre aquele acontecimento.

Integrantes da Defesa Civil e Secretaria de Turismo com as bombas a serem lançadas no entorno da Praça do Suspiro

Integrantes da Defesa Civil e Secretaria de Turismo com as bombas a serem lançadas no entorno da Praça do Suspiro

A proposta da ação foi envolver as pessoas na produção das bombas e terem contato com a terra. Na ocasião, foram produzidas mais de 1.500 bombas com sementes de flores, acondicionadas em porta-ovos, posteriormente lançadas das cadeirinhas do teleférico, com o propósito de embelezar um dos mais procurados atrativos turísticos de Nova Friburgo.

O comandante do 11º BPM, tenente-coronel Eduardo Castelano, e o chefe de instrução do Tiro de Guerra, subtenente Laudecir Ribeiro, participaram do evento

O comandante do 11º BPM, tenente-coronel Eduardo Castelano, e o chefe de instrução do Tiro de Guerra, subtenente Laudecir Ribeiro, participaram do evento

texto: Eloir Perdigão

fotos: Daniel Marcus