Programa estadual do artesanato cadastra profissionais e recebe total apoio da Prefeitura de Nova Friburgo

Publicado em 17 maio de 2017
 
(http://twitter NULL.com/share)

O prefeito Renato Bravo esteve na manhã desta quarta-feira, dia 17, no Espaço de Convivência da Pessoa Idosa Zelma Mussi Gervásio para prestigiar a segunda e última etapa de cadastramento de profissionais para o Programa do Artesanato do Estado do Rio de Janeiro. Participaram da mesa de abertura do evento, além do prefeito, a subsecretária estadual de Turismo, Nea Mariozz, os secretários municipais de Turismo, Wilton Neves; de Cultura, Marcos Marins; e de Assistência Social, Christiano Huguenin.

Renato Bravo interferiu pela continuidade do programa há dois anos

Renato Bravo interferiu pela continuidade do programa há dois anos

A cerimônia foi aberta com a execução dos hinos Nacional Brasileiro e de Nova Friburgo. Primeiro a discursar, Christiano Huguenin falou de sua satisfação com a parceria firmada entre os governos municipal e estadual para beneficiar os artesãos friburguenses. Atividade geradora de emprego e renda, para o secretário o programa é o “primeiro passo para colocar o artesão friburguense no seu devido lugar”. Marcos Marins falou que o programa é um incentivo ao desenvolvimento do artesanato local e regional e sugeriu a realização de feiras e encontros do setor. “Produto muito valioso para o turismo”. Assim Wilton Neves se referiu ao artesanato, que tem potenciais diversos em Nova Friburgo que precisam ser valorizados.

Nea citou que, mesmo com a crise financeira do estado, o Programa do Artesanato não acabou por interferência do prefeito Renato Bravo, que há dois anos integrava a equipe da secretaria estadual de Turismo, junto ao vice-governador Francisco Dornelles que, por sua vez, apelou ao governador Luiz Fernando Pezão. A subsecretária estadual de Turismo comentou que a situação do Estado do Rio é realmente difícil, mas com parcerias o programa continua, inclusive com apoio dos prefeitos e principalmente dos próprios artesãos, com reflexos positivos no governo federal. Nea garante que o Estado do Rio tem artesanato e artesão bom e, por isso, vai sediar uma feira nacional do setor. Ela estará de volta a Nova Friburgo no próximo dia 25 para a entrega das carteiras aos artesãos (agora uma profissão regulamentada), em solenidade marcada para o Nova Friburgo Country Clube.

Nea Mariozz fala sobre o Programa do Artesanato do Estado do Rio de Janeiro

Nea Mariozz fala sobre o Programa do Artesanato do Estado do Rio de Janeiro

Renato Bravo fez questão de ressaltar que, mesmo no meio da crise vivida pelo Rio de Janeiro, o Programa do Artesanato avançou e atualmente alcança todo o estado. Enfatizando a necessidade de organização do setor em Nova Friburgo, o prefeito considerou o cadastramento que se realizava “uma oportunidade de ouro para o artesão friburguense”. Ele propôs que a Prefeitura lidere a organização dos artesãos na cidade e que essa atividade fique ligada à Secretaria de Turismo. Propôs a realização de duas feiras de artesanato na cidade, uma em cada semestre, e quer levar amostras para uma feira a ser realizada em Fribourg, na Suíça, em 2018, nas comemorações dos 200 anos da saída dos colonizadores de Nova Friburgo.

Quem não se cadastrou nesta quinta-feira em Nova Friburgo poderá fazê-lo no Rio, na Secretaria de Estado de Turismo, situada na Rua Uruguaiana, 118, no Centro. Mais informações na Secretaria Municipal de Turismo, que fica na Avenida Alberto Braune, 224 (em frente a Prefeitura). Mais informações pelo telefone 2522-8051.