Prefeitura de Nova Friburgo avança em Segurança do Trabalho com eleição da CIPA

Publicado em 15 maio de 2017
 
(http://twitter NULL.com/share)
Prefeito Renato Bravo e Mônica Moura, candidata com mais votos na eleição da Cipa

Prefeito Renato Bravo e Mônica Moura, candidata com mais votos na eleição da Cipa

Dez servidores municipais da Prefeitura de Nova Friburgo foram eleitos para assumirem a CIPA para o exercício de 2017/2018. A posse da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes foi realizada no auditório César Guinle, sexta-feira, 12 de maio. O prefeito Renato Bravo participou do evento, que também foi prestigiado pelo seu secretariado e funcionários.

A formação dessa segunda gestão da comissão teve avanços logo no início, tanto em número de candidaturas quanto da participação dos servidores. Segundo a subsecretária de Recursos Humanos, Ana Paula Navega, foram mais de três mil votos nessa eleição, número bem maior do que na primeira. “Na anterior, foram necessárias duas votações, pois o quórum de eleitores foi insuficiente. O número de candidaturas também foi outro problema enfrentado, sendo difícil compor o número exigido para a constituição da CIPA. Mas, tudo foi diferente nessa segunda eleição”, declarou.

O prefeito fala da importância da segurança em ambientes de trabalho

O prefeito fala da importância da segurança em ambientes de trabalho

A CIPA tem o objetivo de trabalhar em favor de iniciativas e políticas internas da Prefeitura para a prevenção de acidentes. Ela é composta por 10 servidores, cinco eleitos pelo funcionalismo e outros cinco indicados pelo Executivo. Outros oito servidores formam o quadro de suplentes, quatro eleitos pelos funcionários e outros quatro por indicação governamental.

O auditório César Guinle ficou cheio para a cerimônia de posse, com presença de muitos secretários e subsecretários, além de funcionários. Foram registradas as presenças dos secretários de Educação, Igor Pinto; Turismo, Wilton Neves; Agricultura, Alexandre Teixeira; Esportes, Waldemir Caetano; Gabinete, Viviane Santos e Saúde, Suzane Menezes.

Outras autoridades municipais compuseram a mesa. O prefeito Renato Bravo, o secretário de Finanças, Sérvio Túlio Santos, a subsecretária de Recursos Humanos, Ana Paula Navega, a técnica de segurança do trabalho, Viviani Ferraz Navega, e o vereador Ailter Maguila.

Candidatos à Cipa com o prefeito Renato Bravo

Candidatos à Cipa com o prefeito Renato Bravo

A candidata eleita pelo funcionalismo, com 918 votos, Mônica Moura, do JIMDEL (Jardim de Infância Maria Duque Estrada Laginestra), considerou que sua participação foi motivada por buscar melhorias e valorização para os servidores, pois “a nossa segurança é mais importante”. Para Mônica, desde a primeira CIPA houve evoluções, mas é preciso avançar mais. Em sua gestão, ela disse que dará prioridade para a questão das EPIs (equipamentos de proteção individual), principalmente para os servidores braçais.

Essa grande participação na eleição e na posse foi uma demonstração de agregação, segundo o prefeito Renato Bravo. Para ele, o maior exemplo que pode ser tirado foi o do exercício da democracia: “temos que construir diariamente para a democracia e vejo isso aqui”.

Lembrando o período em que esteve no “Sistema S”, Bravo reconheceu a importância de trabalhar pela segurança e prevenção contra acidentes: “vamos mostrar ao funcionalismo, seus familiares e à população que esse governo avançará na área, aproveitando o que já foi feito, as pessoas e suas experiências, pois esse é um trabalho fundamental para aumentar a qualidade de vida dos funcionários”, revelou.

Abaixo, segue a lista dos dez candidatos eleitos:

Eleitos pelo funcionalismo:

Mônica Moura – 918 votos;
Amanda Carla Alves – 468;
Bueno da zeladoria – 393;
Rita do Posto de Saúde da Xingu, 335;
Flávia Oliveira, 226.

Eleitos indicados pelo Executivo:

Márcia Cristina Gravino;
Marcelo Babo;
Márcia Herdy;
Rosimar Enzler;
Josiane Borges.

Fotos: Daniel Marcus