Prefeito decreta e integração plena será retomada a partir desta segunda-feira em toda Nova Friburgo

Publicado em 20 fevereiro de 2017
 
(http://twitter NULL.com/share)

 

A partir desta próxima segunda-feira, 20, os usuários dos ônibus urbanos em Nova Friburgo já poderão desfrutar da integração plena de ponta a ponta no município. A decisão foi tomada pelo prefeito Renato Bravo em decreto assinado e publicado em Diário Oficial.

O chefe do Executivo municipal mantém sua posição com o argumento de que a mudança será altamente benéfica para a população friburguense, além de tratar-se de um compromisso firmado com os eleitores durante sua campanha para prefeito.

“Nós faremos com que a integração volte a ser plena, de ponta a ponta nesta cidade, atendendo a quem realmente necessita desse serviço. Este foi um dos meus mais importantes compromissos de campanha e que agora tenho enorme satisfação em poder cumprir, pois só desta forma vou garantir integração sadia, justa e, acima de tudo, com qualidade de vida para toda a população”, declarou o prefeito Renato Bravo.

Retorno da integração plena era compromisso de campanha do prefeito

Desde que assumiu o cargo de prefeito de Nova Friburgo, Renato Bravo e sua equipe têm trabalhado incansavelmente para cumprir a retomada da integração plena na cidade. Já no início de janeiro foram realizados diversos debates e reuniões técnicas junto à concessionária Faol, responsável pelo transporte público na cidade.

No segundo dia de governo, em 2 de janeiro, o prefeito Renato Bravo publicou em diário oficial uma série de portarias norteando as principais metas e estabelecendo medidas prioritárias para a viabilização dos objetivos da administração municipal. Entre as quais, criando a Comissão Reguladora de Implantação de Integração Plena do Transporte Coletivo Municipal, em observância e atendimento ao pleito dos próprios cidadãos e objetivando ajustar o evidente desequilíbrio quanto à logística necessidade-economicidade, até então arcada somente pela população.

A referida comissão, criada no âmbito da Secretaria Municipal de Governo e coordenada pelo titular da pasta, Bruno Villas Boas, iniciou imediatamente um profundo estudo sobre o tema, a fim de proporcionar a cada usuário do transporte público amplo deslocamento, mobilidade e segurança, mediante a oferta do serviço adequado.

O que é a integração plena?

A volta da integração plena garante aos usuários do transporte público a possibilidade de fazer a integração (pagando apenas uma passagem) a partir de qualquer ponto de ônibus da cidade.

Um passageiro que saia de Olaria com destino ao Parque Maria Tereza, por exemplo, não precisará necessariamente fazer a integração no centro da cidade. Caso esse passageiro embarque numa linha Olaria x Conselheiro, pode desembarcar em qualquer ponto no trajeto e fazer a integração para a linha Maria Tereza pagando apenas uma passagem. O tempo para realizar a integração segue o mesmo: duas horas a partir do momento em que o usuário passa o cartão no coletivo.