Secretaria de Cultura reinaugura Sala de Leitura em Braille

Publicado em 28 junho de 2012
 
(http://twitter NULL.com/share)

A Secretaria de Cultura, por meio da Subsecretaria de Leitura, vai reinaugurar, no próximo dia 4 de julho, às 16 horas, a Sala de Leitura em Braille, na Biblioteca Municipal de Nova Friburgo. A Sala foi criada em 2007, mas não estava sendo utilizada plenamente por falta de divulgação. À época, foi feita uma parceria com a Associação Friburguense de Deficientes Visuais (AFRIDEVI), que usou o espaço, mas por pouco tempo, porque não havia muito público.

(http://novafriburgo NULL.rj NULL.gov NULL.br/2012/06/secretaria-de-cultura-reinaugura-sala-de-leitura-em-braille/dsc_0329-2/)

Biblioteca Municipal de Nova Friburgo

A subsecretária de Leitura, Vera Veronese, disse que sua preocupação é saber quantos fazem parte dessa população que tem deficiência visual, até porque muitos deles não devem saber ler em Braille. Então, a funcionária da biblioteca, Thami Schumacker, vai fazer o curso de Braille, para que a biblioteca tenha um atendimento mais técnico. Para Vera, é importante que as pessoas saibam que existe essa sala para deficientes visuais e que ela conta com um acervo de mais de 300 títulos como: Monteiro Lobato e outros clássicos, além de best sellers como “Código Da Vinci”, “O Caçador de Pipas”. Às vezes, disse ela, nós recebemos títulos em braille, que ainda não chegaram à biblioteca, como “Memórias de uma Gueixa”. O público que mais frequenta a Sala de Leitura em Braille são adolescentes de 14 a 16 anos. As crianças ainda não têm esse hábito. A Sala também tem uma áudioteca, com um acervo com 250 CDs, que Vera espera aumentar, chamando voluntários para gravar mais áudiolivros, incentivando assim o hábito da leitura. Agora, diz Vera, nós iremos divulgar a Sala nas escolas para que esse público frequente mais o espaço, para a democratização da leitura.

(http://novafriburgo NULL.rj NULL.gov NULL.br/2012/06/secretaria-de-cultura-reinaugura-sala-de-leitura-em-braille/dsc_0334/)

Acervo da Biblioteca em Braille

A biblioteca em Braille, segundo Vera, tem o objetivo de atingir o maior número de pessoas, para que elas saibam que há esse serviço, que é de utilidade pública. Será feita uma reabertura, mas ela já está funcionando. A Biblioteca Municipal conta com mais de 31 mil títulos e uma sala de leitura, em Olaria, que é uma extensão da biblioteca.

São várias programações realizadas dentro da biblioteca como, por exemplo, as Rodas de Leitura, quando leitores se reúnem para falar de algum autor, o que acontece sempre na última semana do mês. Tem também a sala de leitura infantil. Segundo Vera, as escolas são contactadas e os alunos podem ouvir as histórias dos contadores de história, que trabalham com livros de Monteiro Lobato, por exemplo.

 

Biblioteca Comemora Centenário de Jorge Amado

 

A Biblioteca Municipal de Nova Friburgo também vai comemorar o Centenário de Jorge Amado, em parceria com a Fundação Casa de Jorge Amado, firmada quando a subsecretária Vera foi a Salvador. Eles mandaram o material para fazer a exposição, que acontecerá no foyer do Teatro Municipal, de 01 a 10 de agosto de 2012, em parceria com a Secretaria de Educação. Os alunos poderão participar do projeto que, inclusive, contará com leitura dos dois únicos livros infantis que Jorge Amado escreveu e que poucos sabem, que são: “Gato Malhado e Andorinha Sinhá”, livro infanto-juvenil escrito em 1976, e “A Bola e o Goleiro”, literatura infantil (1984), que falam de amizade. Jorge Amado é o autor brasileiro mais conhecido no mundo inteiro e tem seus títulos traduzidos em várias línguas.

(http://novafriburgo NULL.rj NULL.gov NULL.br/2012/06/secretaria-de-cultura-reinaugura-sala-de-leitura-em-braille/dsc_0339-2/)
Thami Schumacker fará um curso de leitura em Braille para dar suporte aos frequentadores com deficiência visual

Agentes de Leitura receberão material na Biblioteca Nacional 

 

Segundo a subsecretária, Vera Veronesi, foi conseguida uma reaproximação com a Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro e com o Ministério da Cultura (Minc), através da Secretaria de Cultura. Assim, foi dado o ponta pé inicial para a formação dos Agentes de Leitura e, no próximo dia 30, sábado, às 9h ela segue para o Rio de Janeiro junto com os cinco aprovados para receberem o material (boné, camiseta, mochila, 1 bicicleta e 100 livros), além da primeira aula de capacitação. Eles passarão o dia todo com o presidente da Biblioteca Nacional, Galeno Amorim, com o subsecretário de Cultura, Beto Grillo, e com o secretário de Educação, Ricardo Lengruber.

Fotos: Solange de Paula